segunda-feira, 1 de março de 2010

Curtas

.
.
A publicidade de pára-brisas deveria ser proibida! E escolhem sempre os dias de chuva para publicitar o Mestre Bamba nas escovas. Parece-me mais publicidade à pasta de papel e ao contorcionismo ao vento.
.
.
Paga um gajo 7,5€ para ver um concerto e ao fim ao cabo o espectáculo é uma mocinha com altos níveis hormonais aos saltos, a mexer no telemóvel, aos gritinhos e a desabafar "que seca"... Quando tiver um auditório, à entrada vou confiscar telemóveis e pitas... De 25 anos.
.
.
Fábio Coentrão adaptou-se melhor à posição de lateral esquerdo, que Miguel Sousa Tavares à condição de entrevistador.
.
.

2 comentários:

csa disse...

Estão boas estas curtas!
São situações que todos conhecemos.
No que se refere aos espectáculos, eu tenho mais tendência para ficar atrás de indivíduos do sexo oposto com pelo menos 1,80 de altura, que não páram quietos e não me deixam ver nada (só tenho 1,55).

lothlorien disse...

Epa, sim senhor, fizeram aqui uma bela remodelação. Gosto :)